"Com as lágrimas do tempo e a cal do meu dia eu fiz o cimento da minha poesia". (Vinícius de Moares)

20 dezembro 2011

Sinto Muito a Sua Falta



Eu nunca pedi por esse sentimento
Eu nunca pensei que eu poderia cair
Eu nunca soube como eu me sentia até o dia que você foi embora
Eu estava perdida, eu nunca pedi por isso, rosas
Eu não estava procurando um amor
De alguma maneira eu deixei as emoções tomarem conta
E adivinha, pela primeira vez eu estou amando

Oh eu sinto muito sua falta, eu desejo seu amor
Isso me assusta porque meu coração fica tão fraco
Que eu não consigo nem respirar
Como você lida com isso tão facilmente?
Amor, por que você não sente a minha falta?

Por que eu agi como se você importasse?
Isso foi idiotice minha acreditar
Que se eu apenas abrisse meu coração
As coisas aconteceriam naturalmente
Rindo as minhas custas, sim
Eu não pedi cartas de amor
Então, por que você me deu?
Como eu poderia deixar suas inteções tomarem conta de mim?
Tão apaixonada, tão ingênua... ohh amor

E ô... como eu odeio o que você fez
Fez eu me apaixonar profundamente
Deus sabe, você é o único que eu quero
Que eu amo, ohh amor
Oh eu sinto muito a sua falta, sim, eu desejo o seu amor
Isso me assusta porque meu coração fica tão fraco
Que eu nem consigo respirar
Como você lida com isso tão facilmente?
Amor, por que você não sente a minha falta?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...